18 etapas de uma obra que você precisa saber

Galeria de Fotos

O sonho da casa própria ou a reforma ideal parecem bem mais simples vistas em lindas fotos de uma revista especializada. Se até para quem é profissional da área, como eu, é assim, imagine para quem é leigo no assunto mas está pensando em dar outra cara para a sua residência.
Antes de tudo estar belo e em seus devidos lugares, há um logo caminho a percorrer, às vezes não tão fácil e nem tão belo assim. Profissional contratado, projeto pronto, chega a hora dos orçamentos. Hoje existem diversos programas que fazem esse cálculo de forma mais direta, mas o ideal é saber como se faz.

Etapas de uma Obra

Para iniciar um orçamento, é necessário ter conhecimento sobre qual é o valor do CUB, ou seja, custo unitário básico da região onde será construída a edificação, pois o CUB varia de região para região. Cada estado possui um CUB, mas algumas cidades podem ter o seu próprio CUB, assim como construtoras e empreiteiras.
Vamos usar o CUB Nacional do mês de agosto de 2016 que está R$ 1.626,93. Vamos fazer o orçamento de uma casa de 80m².

Para saber o valor da obra:

- A quantidade em m² de área de projeto a ser construído multiplicado pelo CUB do mês,
Ou seja: 80 x R$1.626,93, o que nos dá um valor de R$130.154,00.
Lembrando que dentro desses valores estão inclusas a mão de obra, materiais de construção e pintura.
Pede-se ainda que sejam acrescidos  pelo menos 10% sobre esse valor, pois existem algumas questões durante a obra que, além de não ter como se prever, há também as particularidades, como, por exemplo:

Quais materiais serão usados? (alguns acabamentos são mais caros que outros)
Qual tipo de fundação? (Algumas são mais caras que outras, depende do tipo de solo)
Sapatas prontas ou feitas na hora? (dependendo do tipo uma é mais cara que a outra)
Concreto feito na betoneira ou usinado? (Usinado é sempre mais caro)
Vai chover muito durante as etapas da obra? (Não há como se prever)
Problemas na entrega dos materiais? (Atrasos com fornecedores)
Acidentes de trabalho? (pode atrasar a obra e custos com substituição de funcionários)
Vamos às etapas?

01. Projeto de Arquitetura

O projeto de arquitetura é o início de tudo! É a partir dele que se desenvolvem todas as atividades de projeto, planejamento, orçamento e construção!
A contratação de um escritório de arquitetura deve levar em conta o portfólio dos projetos já realizaram. A contratação deve ser formalizada em um contrato de prestação de serviços.
Macete 01: consulte vários profissionais porque o custo dos projetos varia muito e não tem um padrão de preços para os serviços. Na nossa região, pode variar de R$ 50/m² a R$150/m² o valor de área construída, os preços variam de acordo com o estado e cidade.
O arquiteto vai marcar uma reunião para conhecer o seu perfil (ou da sua família) e você dizer o que poderá fazer para você ter a sua casa dos sonhos. Após essa reunião, vai desenvolver um anteprojeto para lhe apresentar.
Esse anteprojeto contém, geralmente, uma planta baixa, uma planta humanizada e umas imagens em 3D da casa e de alguns ambientes internos.

Se você aprovar, será desenvolvido o projeto de arquitetura legal e os detalhamentos.
O projeto de arquitetura legal é o que está de acordo com o código de obras do município para aprovação na prefeitura.

02. Projetos Complementares

Definido o projeto de arquitetura definido, agora é hora de contratar os projetos de estruturas, instalações elétricas, instalações hidrossanitárias (água fria, esgoto, água quente), telefonia e internet. Peça ao escritório de arquitetura uma indicação de profissionais que fazem esses projetos.

03. Elaboração do Orçamento da obra

Etapa muito importante para saber quanto custará a obra. Para elaborar um bom orçamento, será preciso saber quais serão todos os materiais aplicados. Essa informação estará no projeto executivo, que vai especificar todos os materiais que serão usados para fazer o orçamento.

04. Planejamento da Obra

Esse roteiro de etapas de obra serve como um guia que ajuda a planejar. Nesta etapa, deve ser definido o início da obra e a distribuição dos custos de cada uma, para saber quanto será investido em cada parte. Há softwares de planejamento que auxiliam a fazer um planejamento assertivo. Os engenheiros de planejamento também ajudam a determinar quanto tempo vai durar a obra.
Macete 03: o planejamento no papel aceita tudo. Aceita qualquer prazo para as etapas de obra, mas a realidade é outra. Leve em consideração a disponibilidade do dinheiro a ser gasto, a mão-de-obra e a entrega dos materiais.

05. Serviços Preliminares (o início da obra!)

É a preparação para iniciar a obra. Inclui a limpeza e fechamento do terreno, montagem do canteiro e barracão de obras, serviços de terraplenagem (movimentação de terra com corte e-ou aterro). Em seguida é feita a locação de obra com a montagem do gabarito e a definição dos eixos de execução das fundações e, mais pra frente, das paredes e divisórias.

06. Fundações ou Infra-estrutura

As fundações que sustentam a edificação (casa, prédio, shopping, galpão, etc). Existem vários tipos de fundações. A definição do tipo de fundação leva em consideração o tipo de edificação e o tipo de solo do terreno.

07. Estrutura ou Superestrutura

É a sustentação da edificação. São as estruturas que ficam acima da terra como pilares, vigas, lajes. As estruturas mais comuns no Brasil são:
Concreto armado convencional ou protendido (sistema pilar-viga-laje).
Alvenaria estrutural (a própria alvenaria é a estrutura da edificação)
Estruturas metálicas (principalmente em galpões, indústrias)

08. Paredes e Vedações

É a etapa de execução de alvenarias, chapisco, emboço ou reboco. As paredes também podem ser em Drywall (gesso acartonado) ou divisórias!

09. Telhados e Forros

A construção do telhado é dividida em duas etapas: estrutura (engradamento) e cobertura (telhas). As telhas podem ser:
Cerâmicas
Concreto
Metálicas
Fibrocimento
e vários outros modelos.
Macete 04: o que determina a inclinação do telhado é o tipo de telha que será utilizada!

10. Instalações Hidrossanitárias

As instalações hidrossanitárias são divididas em:
Instalação de água fria
Instalação de esgoto
Instalação de água quente
Instalação de água de reuso (se houver)
Devem ser feitas com bastante atenção e cuidado para evitar vazamentos e problemas futuros. Há vários tipos de materiais para tubos e conexões além do PVC.


11. Instalações Elétricas

É a passagem de eletrodutos, fios e cabos, seguida da instalação de tomadas e interruptores. Toda a instalação é dividida em circuitos protegidos por disjuntor.

12. Instalações Complementares

São as instalações de TV, CFTV, internet, gás, ar condicionado.

13. Acabamentos e Revestimentos

É a etapa de assentamento de pisos cerâmicos, porcelanatos, pisos laminados, azulejos, granitos.

14. Esquadrias (portas e janelas)

As esquadrias são as portas e janelas. A instalação deve ser bem feita para evitar problemas na abertura das mesmas. Existem vários tipos de esquadrias no mercado. Elas podem ser em:
Metálicas
Alumínio
Madeira
PVC
Vidro temperado
Macete 05: saiba escolher as esquadrias que ficam em harmonia com a arquitetura da sua casa.

15. Pinturas e Texturas

Etapa de pintura interna, externa e texturas. A pintura interna em paredes de alvenaria se divide em:
Preparar as paredes, pisos e tetos
Aplicar selador
Aplicar massa corrida

Pintura com tinta acrílica em duas ou três demãos

16. Louças e metais

Etapa de instalação de lavatórios, bancadas, box de banheiro, armários planejados, etc.

17. Áreas externas e Paisagismo

Piscina, quadra, área para churrasqueira, gradil, plantio de grama e cultivo do jardim.

18. Limpeza final

Limpeza final de obra. Deve ser feita com tempo e cuidado, olhando todos os detalhes para que fique tudo muito limpo e bonito para receber a família.

CAROL SÁ VIEIRA

CAROL SÁ

Olá, meu nome é Ana Carolina Barcellos Vieira Sá, formada em Arquitetura e Urbanismo na Urcamp-Bagé em 2001. Nosso escritório possui como carro-chefe a arquitetura de interiores, com predileção por todas atividades ligadas a esta área, como iluminação (intimamente ligada), design de móveis, tecidos, revestimentos, paisagismo, entre outros. Cada projeto que assumimos é uma nova experiência, uma superação. Desenvolvemos o blog para que você fique sempre atualizado sobre nosso trabalho e tendências, espero que gostem!
Até mais!

/@CAROLSA_ARQUITETURA